segunda-feira, 10 de maio de 2010

Calvário


Sabe meu antigo bem
eu já não te amo
desde ontem a tarde

Foi culpa da colina

Era pra ser mãos dadas
mas a canção me lembrou
de destinos e solidões

Alcei sozinha

E ao retornar o chão era muito seguro
pra quem já sabe das possibilidades
e dos encantos

que habitam o alto de uma colina

2 comentários:

Carlos Galdino disse...

Barbara é Barbaro esse texto !!!

Devanil Caires disse...

os amores passando...