quarta-feira, 25 de maio de 2011

Literatura de Cordel


Literatura de Cordel



O Projeto “O Candieiro Incendiário” foi desenvolvido com o intuito de resgatar e difundir fora do Nordeste, especialmente em regiões de grande concentração de descendentes nordestinos, a tradição e importância da Literatura de Cordel como manifestação cultural, veículo de aprendizado e de incentivo à leitura.

Por ...utilizar uma linguagem próxima à falada e elementos do cotidiano, a Literatura de Cordel atua como um facilitador do contato do cidadão comum com a leitura e a educação formal.

Carlos Galdino

Filho do agreste pernambucano, o poeta, comunicador, músico, produtor e agitador cultural Carlos Galdino trouxe na sua mala de retirante o candeeiro, o rádio e o cordel que iluminaram sua infância e o influenciam até hoje. Apaixonou-se pela literatura e escreve poesias desde os 8 anos, por influência da avó professora.

Inquieto e inventivo, atuando na cena artística nacional, forma e lidera grupos musicais, multiartísticos e coletivos literários, participa ativamente de saraus e eventos literomusicais, cria e atua em projetos culturais para todos os públicos e ministra oficinas de cultura popular e literatura de cordel.

Contribuiu para o mapeamento de saraus da cidade de São Paulo feito pela Secretaria de Educação do Estado e foi apresentador do sarau da Biblioteca de São Paulo. Tem nove coletâneas de poesias publicadas. Funcionário de grande empresa da área comercial, ministra treinamento especializado aos funcionários de toda a rede na cidade de São Paulo.

Entre seus projetos artísticos e culturais, destacam-se:

O grupo ‘Carlos Galdino & GAS’ – Grupo de Ativação Sonora: formado em 2010, mistura estilos e ritmos influenciados pela musicalidade pernambucana tradicional e moderna e pela Literatura de Cordel.

O grupo ‘Carlos Galdino & O Candieiro Incendiário’: formado em 2004, combina elementos da cultura nordestina como a música e a literatura em diálogo com o teatro, a dança e outros elementos de nossa cultura. Os espetáculos são desenvolvidos para o público em geral e tratam das questões sociais, culturais e poéticas do povo nordestino. À frente do grupo apresentou-se no Memorial da América Latina, Parque da Água Branca, Casa das Rosas, Casa da Palavra; OFF FLIP de Paraty 2007, SESCSP Consolação, entre outros.

Cordel para Ler o Mundo: projeto de incentivo à leitura em formato de contação de estórias, criado para o público infantil. Desenvolvido na Casa das Rosas, CIC’s, CEU’s, escolas, etc.



S.A.M.P.A.: Serviço Ambulante de Música e Poesia Alternativas. Coletivo que faz performances poéticas, promove saraus, edita publicações e realiza eventos voltados para artes e cultura.

Serviço
Gambalaia – Espaço de Artes e Convivência
04 de Junho
Às 16h – Entrada R$ 10,00
Rua das Monções, 1018 -Bairro Jardim -Santo André – SP
Telefone: (11)4316-1726

Nenhum comentário: