domingo, 8 de maio de 2011

Das Morosidades judicias

Predios parados,
E pessoas perambulando
Cheias de tanto nada pra carregar
Cheias de tanto nao ter onde ficar

(dos predios abandonados em São Paulo)



Nenhum comentário: