domingo, 25 de abril de 2010

EI!


Tô falando com você
dentro desse carro!

Não sou poste,
hidrante, paisagem!

Acha que sou seu figurante?
Ou você é o meu?

To falando com você
que fecha o vidro ,
e finge que não vê!

Depois corre pra igreja,
pra pedir perdão.

Tarde demais!

Eu sou um anjo,
Um teste
Sua última chance,
e você não percebeu.

Toma um tiro na cara!
Toma uma bala!
A bala do anjo caído,
escolhido e excluído.

Você mereceu.

Nenhum comentário: