segunda-feira, 19 de outubro de 2009

UM POUCO DO SERTÃO.

UM POUCO DO SERTÃO.
Literatura de cordel.

No sertão tem babaçu.
Buritis e ingaranas,
Mororó cedro e juá
catingueira e imburanas.
Tem cactos, mandacarus,
A beleza dos imbus,
cajá pinha e cajaranas.

Temos agricultura
De melancia e feijão,
Macaxeira, arroz e fava
Vários tipos de melão.
Tem maxixe e tem quiabo,
Jerimum e pé de nabo,
E plantios de algodão.

Tem brincantes, brincadeira
Festa de reis, do divino,
Tem frevo, maracatu
Com rabeca e violino.
Tem “parará” no terreiro,
Que diverte o ano inteiro,
Homem, mulher e menino.

O nordestino é valente
Educado, respeitador,
Pois pra ele tanto faz
Ser gente pobre ou doutor.
Trata todos na igualdade,
Mas detesta falsidade,
De cabra bajulador.

Proteja os direitos autorais.
Assis Coimbra. Fraterno abraço.

Nenhum comentário: